segunda-feira, 7 de abril de 2008

Sozinha no topo

É sabido que a F-1 vive uma era milionária, e isso não é novidade. Há quem conteste tanto dinheiro envolvido em um esporte - ou, para alguns, business -, mas ninguém ousa afirmar que alguma categoria é maior que o campeonato de Bernie Ecclestone.

Parece que não, mas em alguns aspectos, o automobilismo não parece viver seu auge atualmente.

Grande parte dos principais certames automobilísticos mundiais passam por uma fase de transição, o que garante à F-1 cada vez mais a preferência do público. E isso é chato.

A IndyCar, por exemplo, vinha mal das pernas. A fusão com a ChampCar deu uma aliviada na grana, e dá algumas boas expectativas para o futuro. Mas vale ressaltar que a Indy é a única categoria de monopostos rival da F-1.

No turismo, que a cada dia ganha mais espaço, o WTCC cresce vertiginosamente. Faltam boas categorias no certame (apenas Chevrolet, BMW e Seat competem regularmente). A ascendência do Mundial de Turismo contrasta com a decadência do DTM, que tende a perder pilotos para o outro campeonato.

Enquanto isso, no Rally, é fato que este esporte precisa crescer. Mesmo sendo um evento fantástico, o WRC já viveu melhores eras. Das montadaras que apoiam oficialmente o certame, encontra-se Citröen, Ford, Subaru e Suzuki. Cabe mais.

E por fim, não devemos nos esquecer da MotoGP - embora já entrando no motociclismo. Há diversas marcas envolvidas (como Ducati, Yamaha e Honda) e um grande ídolo (Valentino Rossi).

Ainda há outras categorias mundialmente conhecidas, mas que não têm fôlego para rivalizar com a F-1: A NASCAR (na Amérca, é o certame mais forte), a LMS (endurance ainda não pegou) e a GP2 (têm corridas mais interesantes que a companheira de paddock).

Na minha opinião, a mais organizada das citadas acima é a MotoGP.

Mas a minha favorita, eu sinceramente não sei. Gosto até de corrida de trator.

Caso Max Mosley

Como de praxe, eu não poderia deixar de emitir minha opinião a respeito da atitude do presidente da FIA. Só tenho uma frase a dizer ao sr. Max Mosley:

O senhor é um fanfarrão.

2 comentários:

Prof. Cleiton disse...

Parabéns pelo blog... ótimas noticias!!!

Acompanhe a trajetória deste talento brasileiro rumo a fórmula 1, Bruno Senna é sobrinho do Ayrton Senna, hoje ele corre na GP2 e seus planos é de estar na F1 já em 2009.

Acesse: http://www.sennabrasil.blogspot.com

Gostaria de saber se é possível agente fazer uma parceria de divulgação entre os blogs.

SHEILA MELISSA DANTAS disse...

Parabéns pelo blog já está adicionado no Paddock Formula 1 abraço!!!!
www.paddockformula1.blogspot.com
sheila melissa